terça-feira, 29 de maio de 2012

Ana Carolina Pais de Souza


Ana Carolina Pais de Souza (São Paulo, SP, 1983) declarou em depoimento para a Bienal de 2010 [Bienal de Arte Naif realizadas pelo SESC Piracicaba, SP, de 1992 a 2010], ao ser perguntada o que desejava contar com o seu trabalho, que tenta mostrar a sua visão sobre as cidades.


Em 2006, foi selecionada com Sinagoga Beth-El e Nossa Senhora da Consolação (acrílica sobre tela, 60×80 cm, 2006), que exibe uma harmonia de convivência de religiões na metrópole, no caso entre a judaica e a católica apostólica romana.


Em Tarde de chuva (acrílica sobre tela, 90×69 cm, 2010) aponta o caos urbano paulistano com as chuvas intensas, principalmente no ano em que a pintura foi feita. Surgem assim duas visões: respectivamente a de ordem e de desordem da cidade.