sexta-feira, 18 de maio de 2012

Shila Joaquim

As imagens que pinto e crio são nascimentos moradores de dentro de mim.

Depois que se mostram para o mundo; são do mundo.

Eu acrescento ao mundo coisas.

Quanto mais coisas nascem em mim, mais dou coisas ao mundo e ele, o mundo faz delas o que bem quiser.

Não me importo.

Promovo nascimentos, acrescento e vivo.

Na trajetória de ser invento lugares, traço símbolos e pinto sentimentos.

Sigo colorida, serena.

Sou mãe de linhas, cores e retalhos coloridos.

Eles se criam sozinhos e se reiventam sem mim.
Gosto da liberdade deles.

O resto que desconheço e que me desconhece não importa.


Fonte blog da artista: shilajoaquim.blogspot.com.br/