sábado, 16 de junho de 2012

Mundo Novo de Novo



Mundo Novo de Novo
Rogério Fernandes
2012

Durante todo o dia de seminários do evento Humanidade 2012, realizado no Forte de Copacabana dentro da programação da RIO+20 (Fórum de Empreendedorismo Social), o artista plástico Rogério Fernandes desfilou suas tintas para compor essa belíssima tela.

Tela interativa, diga-se de passagem, já que a cada intervalo, palestrantes e o público eram convidados a deixarem suas mensagens nos espaços em branco.
 



O artista e sua obra 'coletiva'



O conceito do painel era de interação , integração, harmonia entre todos os reinos, homem, os outros animais, águas, ecosssistema, etc.

Fernandes disse: “A gente anseia por um mundo melhor, pela qualidade de vida. Nós, artistas, funcionamos como um grande intérprete da sociedade. Sempre foi assim e estamos vivendo nesse mundo com muita necessidade de mudanças, e é nessa hora que a arte tem o seu papel fundamental”.

Tela realizada durante as palestras pelo dia

Mensagens socioambientais deixadas
pelo público nos espaços em branco


A tela, intitulada de ‘Mundo novo de novo’, segundo Fernandes “fala da harmonia entre os seres, um homem em que sua gravata é um lagarto, o echarpe da mulher é um passaro, penso na integração, sereia é mais o meu universo, realismo fantástico, prefiro me definir como um realista fantástico. O universo do imagético onde tudo é possivel, tudo é muito lúdico”.


Rogério interagindo com o público





Rogério e sua arte no mundo

Rogério expõe com mais frequência em Miami, Nova York, Espanha e no Brasil.

Esse ano vai participar de um projeto em Miami no qual a prefeitura isenta de impostos todas as empresas e condomínios que cedam suas fachadas para um artista compor uma obra. A curadoria é da prefeitura, sendo ela que determina qual artista vai pintar determinada fachada.

Para Rogério, as Preituras do Rio de Janeiro, Belo Horizonte e São Paulo, por exemplo, podem implementar isso facilmente. Basta o querer do poder público. Para ele, o governo não tem de fazer tudo, mas tem de apoiar, promover, incentivar, facilitar.

“Miami é uma das cidades mais grafitadas que conheço, já é uma cultura da cidade. Não só as vias públicas, mas bares, restaurantes, shoppings, em baixo de viaduto, e lá ainda ganham iluminação própria para ressaltar o trabalho do artista. Lá o artista encontra o valor que lhe é devido e não é marginalizado”.

Da mesma forma, Rogério diz que o Rio pode ser muito uma cidade muito mais artística ainda. Podemos parar de imitar a arte européia. Vamos dar vasão a nossa cultura. Hoje o europeu e americano está voltando o olho para o artista brasileiro.

Ele fala que “nunca fomos tão respeitados como artistas, os estrangeiros querem saber o que o Brasil está fazendo. Nossa arte é mutio característica e eles ficam muito mexidos ; não conseguem entender de onde vem tanta coisa.


Galerias e a arte para as pessoas de verdade

Para o Fernandes, a estética é uma questão da natureza da alma humana e o homem sempre ansiou pela beleza, e esse desejo e conceito vai mudando com o tempo. A arte naif é uma arte contemporânea de verdade, pois representa o nosso tempo, nossa vida, o sonho do homem moderno e seu cotidiano.



Por isso, faz uma crítica a arte contemporânea, tão distante do grande público, acessível apenas para inciados e afins.

Rogério está percebendo uma saturação do público em relação a essa arte contemporânea , que é muitas vezes conceitual, depressiva e saturada de significados e teorias. Há um esgotamento claro da arte conceitual diante do público, que a vê como depressiva, e as pessoas estão precisando de luz, de cor, de vida.



O artista contemporâneo vai buscar uma coisa fora dele para produzir sua arte, mas as pessoas querem, sim, ver a expressão própria do artista, a bagagem e experiência de vida do artista transmutada em um novo real, além do que, a arte naif pode ser colocada em seus apartamentos.



Ele nota que as pessoas estão realmente querendo ver a expressão de um rosto de criança, de um adulto, da nossa vida. “Estamos percebendo também o crescimento da busca por naif e a Street Art está ajudando muito no aumento dessa busca”.



Site: www.rogeriofernandes.com.br